Villa Country promove encontro de tiãs: Rionegro & Solimões e Edson & Hudson dia 13 de Novembro‏

unnamed

Irreverência e romantismo na medida certa marcam Clássicos Villa Country com Rionegro & Solimões e Edson & Hudson
Encontro entre as duplas acontecerá em 13 de novembro
Romantismo, vozes potentes e irreverência. Estes são os ingredientes do encontro entre Rionegro & Solimões e Edson & Hudson no palco da Villa Country no dia 13 de novembro. Com repertório cheio de sucessos, as duas duplas vão emocionar e fazer a “galera coração” soltar a voz e dançar “na sola da bota” durante uma apresentação com cerca de 3 horas.
Com mais de 25 anos de carreira e média de 20 shows por mês, Rionegro & Solimões e suas músicas são parte da história da música sertaneja e da Villa Country. Foram eles, em 2002, os responsáveis pelo show de abertura da casa que se tornaria a mais importante do gênero na América Latina. Donos de sucessos como “De São Paulo a Belém”, “Bate o Pé”, “Só Lembranças”, “O Cowboy Vai Te Pegar”, “Cavalão Tá Doidão” e a mais recente “Furacão”, os amigos de Claraval (MG), que estão prestes a gravar um novo DVD, reservaram repertório especial para a apresentação ao lado de Edson & Hudson.
O mesmo fizeram Edson & Hudson. Os irmãos nascidos no interior paulista reservaram seus principais sucessos e as algumas músicas do mais novo trabalho – o vigésimo da carreira – “Escândalo de Amor”, lançado recentemente pela Universal Music, para apresentar ao público. A dupla conhecida pela mistura harmônica do sertanejo com os riffs de guitarra, não poderá deixar de cantar canções como “Galera Coração”, “Foi Deus”, “Fala”, “Me Bate, Me Xinga” e “Festa Louca”. A surpresa ficará por conta das músicas que serão cantadas, no palco, pelos quatro artistas, tornando o show ainda mais especial.
Criado para proporcionar aos amantes da música sertaneja encontros memoráveis entre artistas que consagrados da música sertaneja, o “Clássicos Villa Country” já uniu – na mesma apresentação – nomes como Chitãozinho & Xororó e Bruno & Marrone e, mais recentemente, Victor & Léo com Jads & Jadson, em iniciativas únicas.
Sobre Rionegro & Solimões:
Impossível falar de música sertaneja sem citar Rionegro & Solimões. A dupla, que completou 25 anos de carreira em 2014, adotou como objetivo de vida levar alegria, alto astral e romantismo ao seu fiel público. Carismáticos e talentosos, os amigos nascidos na pequena Claraval (MG) já formavam dupla mesmo antes dos palcos, quando trabalhavam juntos numa fábrica de sapatos em Franca, no interior de São Paulo, onde estão radicados há vários anos.
Das apresentações em festivais, casas noturnas e barzinhos para a gravação de seu primeiro álbum, em 1989, foi um pulo. Era apenas o passo inicial para uma carreira sólida, cheia de conquistas. O primeiro sucesso nacional veio com o CD “De São Paulo a Belém”, lançado em 1998. Além da faixa título, as rádios não se cansavam de tocar “Frio da Madrugada” e “A Gente se Entrega”.
Na sequência vieram os hits “Bate o Pé”, “Só Lembranças”, “Na Sola da Bota”, “Esperando na Janela” e “Só Alegria”, que se tornariam obrigatórios em todas as apresentações dos sertanejos. A esta altura, o Brasil já reconhecia em Rionegro & Solimões uma dupla pra lá de diferenciada, que ganhou projeção no cenário nacional pela excelência demonstrada em cada trabalho lançado.
E continua assim, com o mesmo fôlego, mesmo depois de 25 anos de estrada, mantendo uma média de 20 shows por mês, viajando de norte a sul do país para o momento mais importante na vida de qualquer artista: o encontro com seu público.
No segundo semestre de 2013, a dupla lançou seu mais recente álbum. Com dez faixas inéditas, o álbum inclui o fenômeno “O Cowboy Vai Te Pegar”. A música que dá nome ao CD esteve entre as mais tocadas no Brasil e o seu divertido videoclipe foi visto mais de 10 milhões de vezes no YouTube. Também fazem parte do repertório que mescla músicas dançantes, batidões e o velho e bom romantismo as canções “Deu Paixão”, “Romântica” e “O Que Você Não Faz”. Em 2014, a dupla lançou ainda novos singles: “Cavalão Tá Doidão” e ” Melhor Beber do Que Chorar”.
Já em 2015, foi a vez de “Cowboy Comendador” e “Furacão” – a nova música de trabalho da dupla – serem sucessos de execução nas rádios de todo País e na internet. As canções devem integrar o novo DVD da dupla, que será gravado em breve.
Apesar de toda a experiência e conquistas, para quem vê Rionegro & Solimões nos palcos, fica a impressão de que são dois meninos em início de carreira, tamanha a paixão que tem naquilo que fazem. De origem humilde, os amigos nunca perderam o jeitão caipira e nunca se esqueceram dos parceiros de estrada. Eles provam que talento, humildade e dedicação podem conviver lado a lado, equação que invariavelmente resulta em sucesso.
 
Sobre Edson & Hudson
Nascidos e criados em família circense, os irmãos Cadorini tiveram grande apoio do pai, o palhaço e acrobata Beijinho, que percebeu o carisma e o talento dos filhos ainda quando crianças. Incentivados pela família, começaram a cantar desde muito novos. Inicialmente, utilizavam os pseudônimos de Pepi e Pupi e apresentavam-se em praças públicas, bares, rodeios, bailes e em circos. Acostumados desde cedo aos espetáculos e à estrada, logo adquiriram a experiência necessária para mostrar o potencial que tinham para a música.
Em 1991, já como Edson & Hudson, passaram pelo show de calouros de Raul Gil, onde tiveram a grande oportunidade de serem vistos e ouvidos pelo grande público. A voz poderosa e afinada de Edson unida aos riffs de rock da guitarra de Hudson (a época nada usuais na música sertaneja), chamaram logo a atenção do público e dos formadores de opinião. Essa mistura acabou se tornando o grande diferencial da dupla e marcou um estilo que revolucionou o mercado sertanejo, atraindo e influenciando uma nova geração de seguidores e artistas. Outro fato importante que ajudou a alavancar ainda mais a popularidade da dupla foi a explosão do mega hit “Azul” nas principais rádios do Brasil.
Entre 1995 e 2009, os irmãos passaram por quatro gravadoras: RGE, Sony Music, Deck Disc e EMI Music, lançando dezessete álbuns, entre CDs e DVDs de carreira e compilações, contabilizando a venda de mais de 1 milhão de discos. Também neste período, Edson & Hudson passou a figurar como atração principal dos mais maiores eventos de música sertaneja e rodeios, como: Barretos, Jaguariúna, Americana, Osasco, entre outros, batendo consecutivamente o recorde de público de cada festa.Com diversos hits lançados nesse período, como: Galera Coração, Foi Deus, É Amor Demais, Fala, Guarda-Roupa Vazio, Escândalo de Amor, entre muitas outras.
Em 2014 a dupla lança o CD “De Edson Para Hudson”, pela gravadora Radar, e em 2015 assinam contrato com a Universal Music Brasil, trazendo muitas novidades para o público, como o lançamento de um novo CD “Escândalo de Amor”. O vigésimo álbum da carreira dos irmãos já está em pré-venda e traz sucessos como “Guarda-Roupa Vazio”, “Contagem Regressiva” e “Escândalo de Amor”, que dá nome ao disco.
Sobre a Villa Country:
A casa mais sertaneja do Brasil comemorou 13 anos em julho de 2015. Com projeto visionário, a Villa Country abriu suas portas em 2002, apostando no crescimento do gênero junto ao público jovem. Pioneira, tornou-se referência e, seguramente, contribuiu para que a música sertaneja se tornasse a potência que é nos dias atuais. Poucas casas noturnas alcançam vida tão longa e tão cheia de boas histórias, com shows inesquecíveis dos maiores artistas do segmento no país. Com público fiel, a Villa Country recebe semanalmente cerca de oito mil pessoas – em dias de apresentações de artistas conhecidos do grande público, esse número pode dobrar.
A Villa Country é a maior e mais tradicional casa temática do Brasil, opção para quem quer curtir boa música sertaneja, que navega no country, sertanejo de raiz, moda de viola até o famoso sertanejo universitário. Sua fachada reproduz um cenário de filme de Velho Oeste. Em seu espaço, há ambientes como a Praça Sertaneja, Saloon, Praça Caipira e Praça do Cavalo, que dão charme ao local, com destaque para o Restaurante John Wayne, que além de trazer o sabor da comida texana, garante conforto para seus clientes que preferem um clima intimista.
São 12 mil m² divididos em casa de shows, restaurantes, pista de dança, mesas de bilhar, cachaçaria, loja de roupas, café, sete bares, camarotes, espaço para convenções e a rádio Villa Country FM, comprometida em tocar música de qualidade. A programação pode ser conferida pelo site www.villacountry.fm ou pelos aplicativos nos sistemas Android e IOS dos celulares.
Serviço:
Show: Clássicos Villa Country – Rionegro & Solimões e Edson & Hudson
Data: 13 de novembro
Horário de Abertura da casa: 20h
Horário do Show: 0h
Local: Villa Country (Av. Francisco Matarazzo, 774, Parque da Água Branca, São Paulo)
Censura: 18 anos
Capacidade: 8.000 pessoas
Acesso para deficientes: sim
Mais informações: http://www.villacountry.com.br | (11) 3868-5858
Ingressos: Preços Pré-Venda   Pista R$60,00 Camarote Premium R$120,00
Compras Ingressos: On Line pelo Ticket 360 (https://goo.gl/iq3fzN) ou nas bilheterias da Villa Country (de segunda a sábado das 10h às 22h e aos domingos das 13h às 22h).
Formas de Pagamento: Visa, Visa Electron, MasterCard, Diners Club, Rede Shop. Cheques não são aceitos.
Informações Complementares: Não é permitido a entrada de bermuda, camiseta regata, camisa ou boné de time de futebol, chinelo e menores de 18 anos.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s